BLOG QUE TEVE A SUA ATIVIDADE AO LONGO DO ANO DE 2008

quinta-feira, 2 de outubro de 2008

Síntese sobre a África antiga (Por Miguel Bento)

A África hoje

A ONU criou o IDH ( Índice de Desenvolvimento Humano) para "medir" a qualidade de vida de vários países. Ele leva em conta o PIB per capita, a longevidade, acesso a saúde, escolarização e outros. Ele vai de 0,000 a 1,000. Os 19 piores IDHs são da África. A Serra Leoa tem o pior IDH do mundo (0,273). Seguida por Níger, Burkina Fasso, Mali, Burundi(o país mais pobre do mundo) e Guiné-Bissau (país lusófono). O país africano melhor colocado é Seychelles com IDH alto, na 35ª posição. Depois, as nações africanas mais bem colocadas são estas: Líbia, Tunísia, Cabo Verde (país lusófono) e África do Sul. Estes IDHs são inferiores ao do Brasil.

A África antiga

Estudos dizem que, antes, a África era dividida em duas áreas bem distintas: o Egito e a África subsaariana, ao sul do Deserto do Saara. Mas pouco se sabe sobre os povos subsaarianos, por muito tempo era usada somente a forma oral, com pouca escrita.
Na África, a história e bem grande, já que foi lá que surgiram os primeiros hominídeos, que surgiram na costa do Mar Vermelho e do Oceano Índico além do território onde hoje são a Tanzânia, Zâmbia e Zimbábue. Algumas comunidades migraram para outros locais e outras permaneceram ali. Os povos da região do Egito se desenvolviam rapidamente com a ajuda do Nilo, mas nos outros povos o desenvolvimento, agricultura e pecuária foram lentos. Porém várias comunidades começaram a sedentarizar rapidamente, cultivando principalmente os cereais e criando animais diversos. Isso provocou um aumento de habitantes, e estas comunidades passaram a abrir rotas de comercialização para vender, principalmente, o sal. Para realizar este transporte era necessário atravessar o Deserto do Saara, e a atividade ficou conhecida como comércio transaariano. Como o lugar a ser percorrido era muito acidentado, os povos africanos começaram a fazer uso de animais capazes de se adaptar a diversas condições. Tentaram muitos animais, o boi, o cavalo e, só depois o camelo. Ele era perfeito para esta função, ficava um bom tempo sem tomar água, pode carregar bastante carga e se adapta a várias condições. Porém, algumas comunidades não se desenvolveram tanto porque há uma mosca chamada tsé-tsé, que transmitia uma doença capaz de dizimar as populações animais.

As religiões africanas

Como a África é muito grande, diversas religiões manifestaram-se nela. Nos locais próximos a Eurásia prevaleceu o judaísmo que se espalhou pelas cidades do norte da África. Essa religião se espalhou por causa dos judeus da rota de comércio. Logo após o cristianismo e o islamismo se fortaleceram muito na África. O cristianismo passou a ser logo logo a religião do império de Axum, que falaremos mais tarde. O cristianismo só foi fixar-se mais fortemente depois do século XV. Já o islamismo conseguiu converter grande parte do norte africano e do Deserto do Saara no século VIII. Além destas o povo africano também criou religiões.

As sociedades africanas

Na história da África, algumas sociedades ficaram mais famosas por causa de sua duração ou importância político-econômica na África.

O Império Kush ( 1700 a.C.- 300 d.C. )

De 3600 a.C. até 1700 a.C., a região da Núbia esteve sob poder egípcio. Mas em 1700 a.C.,os núbios ficaram independentes e criaram uma forte sociedade: o Império Kush. De 1700 a.C. até 1500 a.C. houve o Primeiro Império Kush. Em 1500 a.C. os egípcios reconquistaram a Núbia, o que fez com que algumas pessoas migrassem para a cidade de Napata ,no sul.
Porém, em 1100 a.C. os núbios reconquistaram o seu território e ergueram o Segundo Império Kush. No segundo império, os núbios aumentaram muito seus domínios e até tentaram invadir o Egito em 663 a.C.,mas foram expulsos pelos assírios, povo que havia conquistado o Egito. A economia do Império Kush não foi lá das melhores mas se destacou na África subsaariana. Além disso o Império Kush estava sendo constantemente ameaçada de invasão pelos nômades cuxitas. Em 300 d.C., não houve mais registros sobre o Império Kush, que provavelmente foi conquistado pelo Império Axum.

O povo cartaginês ( século VI a.C. a I a.C. )

Entre os séculos VIII a.C. e VII a.C., o povo fenício criou a cidade de Cartago, onde hoje fica Túnis, capital da Tunísia. Só que, em V a.C. Cartago ficou independente da Fenícia, e construiu um sólido império. Seus domínios foram até o atual Marrocos até o leste da atual Líbia, no golfo de Sidra, além de algumas ilhas e parte da Sicília. Cartago foi uma grande potência naval militar no Mediterrâneo. Primeiramente sua estratégia era evitar conflitos com gregos e romanos e estender ainda mais suas posses no norte africano, onde começou a exercer grande autoridade nos povos nativos. Exploravam povos com pouca tecnologia extraindo ouro, prata e cobre em troca de coisas ridículas como trabalhos artesanais. Além disso, estes povos deviam fornecer soldados para o exército cartaginês.A administração do Império Cartaginês era feita assim: um rei, alguns sulfetes, que eram como governadores e um conselho de cem pessoas. Os sulfetes e as pessoas do conselho eram escolhidas em uma eleição, porém só os mais ricos e poderosos votavam. Cartago se destacou muitissímo pelo seu comércio, tinha muitas riquezas, a maioria extraída dos povos conquistados, além de uma frota comercial excelente. O Império Cartaginês acabou conquistado por Roma nas Guerras Púnicas.

A sociedade de Axum ( século I d.C. a X d.C. )


Entre os séculos V a.C. e IV a.C.,algumas pessoas oriundas da península arábica fugindo do deserto migraram em uma região onde hoje é o norte da Etiópia e a Eritréia. Fundaram a cidade de Adúlis e expandiram o seu território e fundaram a cidade de Axum. No começo a sociedade não era maior que um retângulo de 160km por 300km. O reino se enriqueceu muito através do comércio e expandiu seus domínios. Conquistou o Império Kush e seu território já compreendia o seu território inicial, todo o atual Sudão e algumas partes da Península Arábica. Os axumitas criaram um importante centro comercial, de importação e exportação. Por ali foram encontrados até vestígios de porcelana chinesa. Além disso muitas mercadorias faziam escala em Axum como a rota de Índia para Roma que sempre parava em Axum. Logo se tornou uma grande exportadora de ouro, prata e marfim. Eles eram politeístas, mas depois adotaram o cristianismo como religião oficial. Por causa desta mudança se estremeceram as relações com alguns povos que tinham outras religiões como oficiais. Depois, o império romano do ocidente caiu, o que enfraqueceu as exportações e o comércio da nação o que empobreceu o povo. Não sabemos ao certo a razão do fim de Axum, mas com certeza estes fatos ajudaram.

O Reino de Gana ( 300 d.C. até 1300 d.C.)

Na África ocidental a sociedade se desenvolveu muito diferentemente do oriente africano. As cidades do sudoeste enriqueceram graças ao comércio transaariano que negociava produtos para quase toda a África. Por causa disso as cidades cresceram, criando reinos. Um desses reinos foi Gana que no início era um pequeno território onde hoje é a Mauritânia e o Mali. Com o tempo Gana expandiu suas posses e sua riqueza era famosa na África. Seus governantes viviam em palácios luxuosos e decorados com ouro abundante naquela região. Só que, foi construído o Reino de Mali que acabou ficando maior que Gana e conquistando-a.

6 comentários:

Gabriel Costa Rodrigues disse...

bento, tu e o guedes estão fazendo os outros terem pouco o que falar! não exagerem nos textos!

Miguel Bento disse...

Rodrigues, se não caber na página do blog, o blog cria outra! não enche a memória nunca!

Gabriel Costa Rodrigues disse...

OS OUTROS TEM POUCO O QUE FALAR!!!

Miguel Bento disse...

MENTIRA!!!!!!!!!!! OS OUTROS PODEM FALAR O QUANTO QUISER!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!! ENTENDEU? AH, EU SEI QUE NÃO ENTÃO, MENTIRA!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

lucas disse...

nsss issso foi de mais eimm....

Murillo disse...

copia do livro historia e vida =P